Milagres do Paraíso: a história real do filme exibido na Globo

  • By Anderson
  • 7 de julho de 2020
  • 0
  • 232 Views
Milagres do Paraíso história real

Qual é a história real que inspirou o filme Milagres do Paraíso? Conheça…

Milagres do Paraíso é um filme dirigido por Patrica Riggen, que acabou ganhando a atenção dos brasileiros nesta quarta (08), após exibição na Rede Globo.

O filme gira em torno da vida de Anna Beam e sua família. Estrelado por Jennifer Garner e Kylie Rogers, a trama é um drama familiar cristão que explora conceitos como fé e milagres.

Na história, Anna, 10 anos, começa a ficar doente várias vezes. Seus pais, que suspeitam que possa haver mais do que os médicos estão dizendo, pedem mais diagnósticos cujos resultados mudam suas vidas para sempre. Então, o filme leva seus espectadores a uma infinidade de emoções com seus personagens e, acima de tudo, pelo suspense da trama.

Baseado em história real?

Sim, ‘Milagres do Paraíso’ é baseado em uma história verdadeira. O filme é uma representação dramática de certos eventos reais e uma adaptação de um livro de memórias intitulado ‘Milagres do Céu: Uma Menina, Sua Jornada ao Céu e Sua Incrível História de Cura’.

O livro de memórias é escrito por Christy Beam, mãe de Annabel, sobre sua filha e seu raro encontro com Jesus.

O que aconteceu com Annabel Beam?

Annabel Beam tinha cinco anos quando foi diagnosticada com distúrbio de obstrução por pseudo-motilidade e distúrbio de hipomotilidade. A família a tratava em consulta com especialistas quando algo que mudou a vida aconteceu com Annabel.

Um dia, em uma de suas visitas a casa, ela decidiu subir em uma árvore. No entanto, ela caiu de cabeça no tronco oco da árvore. Ela ficou lá por várias horas antes de uma equipe de resgate chegar com um cinto para resgatá-la. Enquanto isso, Annabel Beam afirma que visitou o céu e que no céu não havia dor. Mesmo que ela quisesse ficar com Jesus, ele lhe disse que tinha outros planos para ela.

Em entrevista à People, ela cita o que ele disse a ela: “Não, Annabel, tenho planos para você na Terra que você não pode cumpri-lo no céu”.

Sobreviver a essa queda foi apenas o começo do caminho de milagres de Annabel. Em sua próxima visita ao hospital, ela foi declarada a salvo das garras das duas doenças fatais que a obscureciam. Então, sua viagem ao céu, encontrando Jesus e sendo acompanhada por anjos, enquanto esperava por equipes de resgate, atraiu muita atenção.

Propagando a história

Christy Beam, mãe de Annabel, inicialmente nem queria escrever um livro sobre isso; no entanto, sentiu vontade de fazê-lo após várias orações. Ela então escreveu o livro de memórias, com base no qual o filme foi feito.

O livro, escrito por Christy Beam, tornou-se best-seller do New York Times. É justo dizer que um livro cuja premissa é toda baseada na fé também encontrará seus críticos negativos, porque os Beams acreditam que Annabel foi para o céu e encontrou Jesus. No entanto, diante de tais críticas, a família permaneceu positiva.

Em uma entrevista à Gospelherald, Christy Beam disse: “Minha resposta favorita a essa pergunta é de Annabel, e ela diz para eu não responder aqueles que criticam e não acreditam. O que digo é que esta é a minha história, e é real, e sou a prova viva de um milagre.”

Onde estão Christy e Annabel Beam agora?

Christy Beam tornou-se uma autora bem-sucedida quando suas memórias foram publicadas. Ela defende vocalmente sua fé e o nível de mudança que isso pode trazer drasticamente para a vida de qualquer pessoa. Ela tem um site, que não apenas anuncia seu livro, mas também compartilha informações da imprensa sobre o livro, uma ode à fé e assim por diante.

No entanto, a última atividade apresentada no site parece estar bastante desatualizada. Mesmo que seja o mesmo caso com sua conta no Twitter, ela permanece bastante ativa em sua página do Instagram. Ela continua a publicar várias fotos importantes de sua família.

 

E você, gostou de saber mais dessa história? Deixe nos comentários e continue acompanhando as novidades do mundo dos filmes aqui no Mix de Filmes.

Igualmente, nos acompanhe em nossas redes sociais: Instagram e Twitter.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *