TrilhaMix: As Releituras de Beatles

Beatles e uma febre atemporal que sempre se reinventa!!

Que Beatles pode ser considerada a banda mais famosa do mundo todos sabemos. Na verdade, seu estouro foi um marco na música mundial. A juventude rebelde da época cresceu ao som de George, John, Paul e Ringo. Muitos podem não saber, mas eles também se aventuraram na dramaturgia. As produções foram um sucesso na época e inclusive renderam uma animação, intitulada “Yellow Submarine”. Entretanto, hoje viemos falar de outras produções inspiradas na banda inglesa. Assim como suas produções originais, Across The Universe e Yesterday trouxeram bons momentos.

Uma visão geral de particularidades!!

Across The Universe foi produzido em 2007 com direção de Julie Taymor. O romance entre Jude e Lucy embala o roteiro principal, contudo, diversos personagens secundários completam a atração. Além de um roteiro estável, a produção conta com uma adequação musical satisfatória. As músicas não fugiram do original, todavia, mostraram originalidade. O mais curioso de toda a trama é a percepção que o filme coloca sobre a evolução da banda. Desde a era mais jovem e cheia de paixão, ao momento paz e amor vivido pela banda.

Yesterday já é uma produção mais recente, lançada em 2019 e com direção de Danny Boyle. Também focado em um possível romance entre Jack e Ellie, o filme muda completamente seu roteiro em busca de inovação. Na narrativa, o mundo simplesmente se esqueceu de Beatles, fazendo com que Jack pudesse crescer sendo o único que ainda tem conhecimento das letras. A trama é divertida e curiosa, sendo uma excelente escolha para uma tarde de domingo chuvosa. Assim como Across The Universe, eles trabalharam de forma excepcional a qualidade musical e das apresentações. Em Yesterday, não temos a adaptação das canções e performances tão intensas como no anterior. Ainda assim, vale super a pena conferir a produção e seu resultado.

Imagem: Warner/Divulgação

Rentabilidade e Mídia

A resposta da mídia para ambas as produções não configuram sucesso mundial. Além disso, ambos são classificados como subexplorados. Entretanto, ao meu ver, isso é super satisfatório. Claro que poderiam investir um pouco mais na adaptação musical e marketing, mas isso não impede que ambos se qualifiquem bem. Yesterday no último ano arrecadou US$ 144 milhões, ficando atrás de produções super conceituadas na mídia como Anabelle e Toy Story 4. No geral, tivemos boa aceitação, apesar dos defeitos pontuais.

Destaque de Apresentações

Se me pedissem para classificar apenas uma canção em cada filme como destaque, diria que não seria uma tarefa fácil. Como fã de produções musicais e pessoa extremamente ligada a música, cada canção tem sua peculiaridade. Mas posso tentar elencar aqui as que mais conseguiram aquecer o coração deste jovem redator. Em “Across The Universe”, a apresentação final de All You Need Is Love é extremamente impactante. Ela consegue fechar toda a trama e trazer a leveza necessária para um final. Não são necessários diálogos extensos, dramas intensos ou plots para uma próxima produção. O filme fecha seu enredo em uma canção maravilhosa da banda e bem adaptado a trama.

Já em Yesterday, a canção que dá o título ao filme é uma das mais especiais. Foi o primeiro momento que Jack percebe que há algo errado com o mundo por não conhecer Beatles. Essa cena consegue embalar de forma incrível toda a trama futura e de quebra, nos mostra uma química inicial entre Jack e Ellie. Durante a produção, diversos momentos musicais ainda são levados em conta, inclusive com a excelente participação de Ed Sheeran que deixa o filme ainda mais especial.

Embora sejam produções de enredos distintos, se assemelham em qualidade musical e de produção. A fim de manter uma temática atemporal como Beatles, as produções conseguem sempre se reinventar. Assim como os filmes produzidos pela banda, as duas indicações merecem seus destaques. Sempre mantendo uma narrativa coesa e divertida durante todos os minutos de exibição. Assim, ambos não perdem qualidade e nem cansam o espectador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *